Foto: Leonardo Ramos Miranda

entrevista

José Carlos Araújo

A transmissão de jogos de futebol via rádio no Rio de Janeiro parece ter a mesma voz há mais de cinqüenta anos e isso está longe de ser um problema para os ouvites. Aproveitando-se da falta de renovação do mercado, José Carlos Araújo prova que o público do rádio não vai abandonar o meio só porque as tecnologias atuais oferecem novas opções.

Paladar Negro

Existe uma inverdade muito falada sobre cães de raça. Diz-se que os verdadeiros animais com pedigree possuem o céu da boca de cor preta. Na Argentina, a expressão “céu da boca preto” passou a ser utilizada — sobretudo no futebol — para designar algo de bom gosto, esteticamente vistoso e de grife. “Céu da boca” em espanhol é “paladar”. E o Paladar Negro foi a maneira encontrada por três designers argentinos para nomear o notável trabalho visual que desenvolvem hoje.

Federico Peretti

Durante nada menos que três anos, Federico Peretti viveu uma jornada que teve início no Ushuaia e terminou no Amapá. Inicialmente, o plano era percorrer todo o território argentino em busca das histórias e realidades dos clubes das divisões de acesso do futebol do país. As mais de 300 horas filmadas representam um marco na produção cultural argentina: foi a primeira vez que alguém se propôs a realizar um trabalho cinematográfico sobre times que não figuram na divisão de elite do futebol nacional.

O espírito Panenka

Com a progressiva conversão da informação esportiva num produto de entretenimento, diversas vozes se manifestam e atuam em alternativas editoriais que transcendam os limites ideológicos impostos pelas grandes mídias. Para muitos, essas vozes pertencem a verdadeiros “loucos” que insistem em apostar em histórias culturais de futebol em plena era da digitalização dos suportes e meios.

Um brasileiro dos Bálcãs

Desde que a Corner foi idealizada, o nome de Dejan Petković sempre esteve no topo da lista para nossa primeira entrevista de capa. Muito antes de ser “apenas” o Pet, Dejan já havia sido apelidado de Rambo, mas – apesar das muitas vezes em que recebeu aplausos pela garra demonstrada em campo – a alcunha do guerrilheiro dos cinemas mostrou-se incompatível com sua capacidade intelectual.

Sucker for Soccer

Zoran Lucić é o designer por trás da série de pôsteres Sucker for Soccer, cujo nome não tem nenhuma explicação além da rima, segundo o próprio artista. Mas, em tradução livre, quer dizer algo como Tarado por futebol. Seu trabalho já aparece como uma das referências mundiais do design gráfico quando o assunto é o esporte bretão. Croata de nascimento, filho de pais sérvios, atualmente vive na Bósnia, especificamente em Bijeljina, cidade onde nasceu o pai de Zlatan Ibrahimović.

O Zé da Tijuca

Após a ingestão de quantidades ideais de cerveja durante o papo com Dudu Monsanto, aproxima-se o homem. Vestindo uma camisa roxa dos X-Games da ESPN, ele se senta à mesa e até aceita um copo, mas diz que não vai beber muito. Parece bem-humorado aquele senhor de minguantes cãs, sempre bagunçadas e quase tão rebeldes quanto ele próprio. José Trajano é um sujeito que jamais se incomodou em falar exatamente o que pensa em pleno ar. Ao menos para quem assiste ao Linha de Passe, essa é a impressão que acaba se confirmando sem reservas após um encontro com o pai da ESPN Brasil.

Dudu, o Monsanto

Prestes a completar dez anos de ESPN Brasil, Dudu Monsanto recebeu a Corner em um restaurante próximo à sede da emissora, em São Paulo. O local foi recomendado pelo próprio jornalista que, no momento em que chegamos, contemplava a vista panorâmica para os prédios da Avenida Paulista. “Garçom, desce uma rodada, por favor.” foi a senha para que a conversa começasse com um bate-papo descontraído antes de se tornar uma entrevista propriamente dita.

Mantenha-se informado sobre nossos textos e produtos. Receba descontos exclusivos.
Assine a nossa newsletter.