Registrar
Uma senha sera enviada para seu e-mail

Um deus nascido em Guernsey

Por Joshua Law

S

ucesso no futebol normalmente é medido em troféus, em glórias, em gol marcados durante jogos importantes e muitas partidas pela seleção do seu país. Mas se um jogador não alcança tudo isso, ainda se pode falar que sua carreira foi um grande êxito? Pode-se dizer que foi um dos melhores que se viu jogar? Para muita gente na Inglaterra isso aconteceu no caso do Matt Le Tissier.

Le Tissier foi um jogador talentosíssimo, mas jogou somente no Southampton, um time modesto da pequena cidade do mesmo nome no litoral sul da Inglaterra, e nunca ergueu nenhuma taça. Só fez oito partidas pela seleção inglesa, sendo titular em duas, e nunca foi para uma Copa do Mundo e nem Eurocopa.

Para continuar lendo, faça login ou registre-se. É grátis.

Visite nossa loja virtual e adquira as edições impressas da revista! Os textos publicados nas revistas são exclusivos e não são republicados no site, nem vice-versa. Garanta seu exemplar, colecione e leia a Corner.