Maio de 1968: o divórcio da França com o futebol

A separação ideológica entre os franceses e o esporte mais popular do mundo

5

Num país que aprendeu tarde a amar o futebol com a mesma paixão dos seus vizinhos, as revoltas do mês de Maio de 1968 deixaram evidente o divórcio dos franceses com o “Beautiful Game”. Foi o culminar de uma relação tortuosa entre adeptos, jogadores e a natureza semi-profissional e regional do futebol gaulês.

Conteúdo exclusivo para assinantes. Para continuar lendo,Faça login ou Assine!
Mantenha-se informado sobre nossos textos e produtos. Receba descontos exclusivos.
Assine a nossa newsletter.